Entenda as transformações do varejo com a pandemia

O ano de 2020 foi marcado por muitas transformações no varejo devido à pandemia da Covid-19. Houve até mudanças no comportamento do consumidor, o que levou as empresas a se reinventarem para responder às novas demandas.

Agora, é fundamental que o varejo offline e online se complementem para oferecer uma melhor experiência de compra aos clientes. Portanto, esse é o momento das empresas reverem suas estratégias e repensarem suas práticas atuais. 

Outra lição que muitos varejistas aprenderam em tempos de pandemia se refere à segurança e a saúde dos consumidores. Esses fatores são decisivos para a tomada de decisão do cliente de fazer compras em uma loja física.

Para evitar aglomerações, é importante que a loja organize a entrada e a saída dos clientes, permitindo que encontrem o que procuram e saiam com total segurança. Portanto, é ideal que a loja física se mantenha organizada, com as categorias de produtos segmentadas.

Garanta uma boa comunicação do produto

Um ponto fundamental que não deve ser ignorado pelos varejistas é a comunicação com os clientes. Saber transmitir os principais benefícios de seus produtos tornou-se crucial. 

No atual contexto em que vivemos, com a alta da inflação e o aumento do desemprego, os consumidores tem se tornado mais seletivos. Assim estão cada vez mais exigentes nas escolhas de diferentes tipos de produtos.

Definitivamente, o varejo deve coletar dados para saber qual é o atual nível de gastos da maioria de seus clientes, bem como suas preferências. De acordo com diversas pesquisas, os consumidores estão optando por marcas que demonstrem responsabilidade social e ambiental.

O que esperar para 2021?

Por fim, prever o futuro do varejo não é uma tarefa fácil. Ainda mais nesse momento de incertezas, quando persiste a pandemia da Covid-19. De fato, são tempos de adaptações e mudanças.

Em termos de orçamento dos compradores é preciso considerar a queda no poder aquisitivo de muitas famílias. Assim sendo, o varejo deve estudar seu mercado e desenvolver estratégias para se manter a frente da concorrência.

A seguir, duas dicas para alcançar esse objetivo.

Ter um propósito claro

Então, qual é sua estratégia de vendas e proposta de valor? Você precisa analisar o que está fazendo para se certificar de que está no caminho certo.

Isso significa verificar se a localização da sua loja está favorecendo as vendas. Os produtos que você tem oferecido estão bem localizados e expostos nas prateleiras, de modo a atender as expectativas dos clientes?

Manter os clientes no centro das decisões

Conhecer seu público-alvo é extremamente importante para definir a melhor forma de atendê-los em termos de experiência de compra, conveniência e praticidade.

Os consumidores querem se sentir únicos. Dessa forma, se você não sabe para quem está vendendo não conseguirá oferecer as melhores ofertas.

Portanto, identifique nichos específicos e realize uma segmentação para proporcionar experiências personalizadas. Sem dúvida, direcionar ações promocionais para um grupo específico de clientes deve ajudar a aumentar as vendas.  

Por fim, os varejistas devem mapear seus diferentes pontos de venda, seja offline ou online para aplicar as melhores estratégias para atrair, converter e reter os consumidores.

Deixe um comentário