A pandemia de Covid-19 gerou muitas mudanças no comportamento do consumidor, o que levou o varejo a adotar diferentes medidas para facilitar as vendas “sem contato”. Uma delas foi a adesão ao sistema de RFID (etiquetas de identificação por radiofrequência).

Varejistas de produtos cosméticos estão entre aqueles que passaram a usar sistemas tecnológicos para oferecer uma melhor experiência de compra aos consumidores. Nesse cenário, o RFID é uma boa solução já que identifica de maneira única os dados de um produto.

Assim, as empresas têm a possibilidade de oferecer aos clientes meios de pagamento através dos seus smartphones para facilitar compras a distância. Isso tende a eliminar filas de espera e aglomerações. Algo essencial em tempos de pandemia.

Nova maneira de interagir com os produtos

Com a tecnologia de RFID é possível atender as expectativas dos compradores no que se refere à higiene e segurança. Por exemplo, para testar uma maquiagem existe a possibilidade de usar a tecnologia de realidade aumentada em tempo real.

Isso consiste em usar um espelho digital para visualizar a maquiagem em seu próprio rosto. Outra possibilidade é fazer a contagem dos produtos sem tocá-los ou escaneá-los manualmente. Sem dúvida, esses e outros motivos fazem do RFID uma das iniciativas mais eficazes do mercado.

Desafios superados

Antes, um dos impedimentos para o uso do RFID no setor cosmético era a falta de inlays de tamanho pequeno e adequado às embalagens de diferentes produtos compactos, como os batons, esmaltes e itens de maquiagem, por exemplo.

Agora, esse desafio foi superado. Além disso, o RFID foi aprimorado para que não sofresse interferência em embalagens de metal. Com a tecnologia On-Metal é possível também aplicar tags flexíveis em superfícies curvadas.

Perfeito rastreamento logístico

O sistema de RFID também pode ser implementado em toda a rede de suprimentos cosméticos para tornar os processos mais eficientes. Seu uso permite ainda o controle de itens em estoque, evitando a falta de produtos devido à alta demanda.

Além de acompanhar as entregas, otimiza as remessas com custos reduzidos. O RFID tem a capacidade de acompanhar as entregas e planejar rotas em tempo real. Definitivamente, um rastreamento logístico perfeito.

Evita falsificações com RFID

Outra vantagem das etiquetas de identificação por radiofrequência é o fato de dificultarem as vendas de produtos falsificados. Afinal, com o RFID, os itens passam a receber uma marca no rótulo, o que facilita para o consumidor identificá-los como um produto original.

Conclusão

O RFID está ganhando um grande espaço na indústria de cosméticos porque é uma tecnologia comprovadamente eficaz no controle das cadeias de abastecimento, oferecendo às empresas do setor da beleza o beneficio de localizar produtos onde quer que estejam.

Por fim, o RFID tem encurtado distâncias entre as empresas e os consumidores finais, já que oferece uma solução segura para uma visão completa de todos os processos, facilitando o acesso do cliente ao produto que deseja.